image001(1)

No Algarve a implementação da Agricultura Social é já uma realidade em vários municípios e IPSS, promovendo uma melhor qualidade de vida das populações, quer a nível económico, quer de saúde. Está hoje testado e comprovado que uma das melhores terapias sociais são as práticas que envolvem a terra e produção de alimentos saudáveis, aplicando as regras de produção em Modo Biológico.

O II Seminário de Agricultura Social apresenta uma transversalidade de temáticas do nosso quotidiano, desde saúde envolvendo a dieta mediterrânica e a sociedade em geral. Salienta-se a participação de reclusos do Estabelecimento Prisional que relatarão as experiências vivenciadas na Horta Solidária do Banco Alimentar do Algarve, sediada nas instalações da Direção Regional de Agricultura e Pescas do Algarve.

A envolvência das autarquias é um dos pontos fulcrais para o desenvolvimento destas estruturas. Sendo os autarcas quem de acompanha mais de perto os seus munícipes, foi convidado para o efeito o Vereador Sá Fernandes para demonstrar o exemplo de Lisboa, pela sua heterogeneidade e complementaridade de cidade e campo.

O II Seminário Agricultura Social tem lugar no próximo dia 21 de abril, no Auditório da DRAP do Algarve no Patacão. Consulte aqui o programa e inscreva-se através do endereço gabdirector@drapalg.min-agricultura.pt